Bazar filantrópico de Thássia Naves bate recorde de R$500 mil

Bazar filantrópico de Thássia Naves bate recorde de R$500 mil

Bazar filantrópico de Thássia Naves bate recorde de R$500 mil de vendas nas primeiras duas horas e arrecada em menos de 24 horas. Fotos: Divulgação/Arquivo Pessoal

Aconteceu nesta terça-feira (12) o 8º bazar beneficente da influenciadora Thássia Naves. Em sua 3º edição online em parceria com o Enjoei, maior marketplace de second hand do Brasil, foram vendidas mais de 2000 peças nas primeiras duas horas de bazar e 2.843 em menos de 24 horas: dois recordes do evento.

Bazar filantrópico de Thássia Naves bate recorde de R$500 mil
Bazar filantrópico de Thássia Naves bate recorde de R$500 mil

Com transmissão ao vivo pelo Instagram da comunicadora, o projeto vendeu para todo o Brasil e arrecadou mais de R$500 mil reais. O valor será integralmente destinado à Casa do Menor em Uberlândia, cidade natal de Thássia.

“Estou emocionada e grata à todos que contribuíram e fizeram a história desta edição. Fico admirada ao ver o quanto somos capazes de transformar em união”, comenta a influenciadora.

Sendo uma das madrinhas da Casa do Menor Nova Canaã há 10 anos, Thássia conta que  como próximo passo, a instituição visa ampliar sua atuação, recebendo adolescentes com até 18 anos a fim de prepará-los para o mercado de trabalho. 

Atualmente, 160 crianças de 06 a 14 anos recebem aula de reforço escolar, informática, música, natação, artes, ballet, oficinas psicopedagógicas e atendimento médico e odontológico por meio de seus mais de 50 voluntários.

Bazar filantrópico de Thássia Naves bate recorde de R$500 mil

A Casa do Menor Nova Canaã só tem a agradecer a grandiosidade da Thássia. Sua solidariedade é capaz de transformar a nossa instituição e também a sociedade” comentou Ana Lucia Vieira Fernandes, presidente da Casa.

Sobre a Casa do Menor

A Casa do Menor é uma instituição que recebe mais de 160 crianças de baixa renda com idade de 06 a 15 anos matriculados na rede Estadual ou Municipal de Ensino, oferecendo atividades de contraturno escolar que estimulem o desenvolvimento físico, emocional e socioafetivo de forma continuada e integrada, observando-se as diferenças individuais.

Com 14 funcionários e mais de 50 voluntários, a Casa Canaã foi inspirada em Campos de Jordão, onde não havia crianças de rua, já que tinha um lar que as assistia. Querendo manter a mesma proposta, o instituto abriu suas portas em 2001, fundado por Rosicler Maria de Camargos Cunha. 

Dona Rosita, fundadora também do Grupo de Oração Maranathá e outros companheiros iniciaram em 1993 os trabalhos para a construção da “Casa de Apoio e Formação do Menor Nova Canaã”. Em 1998, com terreno doado pela Prefeitura Municipal de Uberlândia, o grupo deu início às obras, concluídas em 2001, quando foi oficialmente inaugurada a casa e onde funciona até hoje.

Veja também Atriz Dillyene ensina receita do cocktail do verão europeu

Fonte Index Conectada Assessoria de Imprensa – Fotos: Divulgação/Arquivo Pessoal

1 Comment

Comments are closed.