Alimentação: Cultura ”Ayurvédica” ajuda equilibrar corpo e mente

Alimentação: Cultura ”Ayurvédica” ajuda equilibrar corpo e mente

Alimentação: Cultura ”Ayurvédica” ajuda equilibrar corpo e mente. Sistema milenar de saúde nascido na Índia tem como objetivo promover longevidade, vitalidade, saúde física, mental e emocional.

Desde o ano de 2017 a Ayurveda foi incluída na PNPIC (Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares) do Sistema Único de Saúde: “O indivíduo saudável é aquele que tem os doshas (humores) em equilíbrio, os dhatus (tecidos) com nutrição adequada, os malas (excreções) eliminados adequadamente, e apresenta uma alegria e satisfação na mente e espírito”.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) descreve sucintamente o Ayurveda “reconhecendo sua utilização para prevenir e curar doenças, e reconhece que esta não é apenas um sistema terapêutico, mas também uma maneira de viver.”

A ALIMENTAÇÃO COM BASE NA CULTURA AYURVÉDICA AJUDA A EQUILIBRAR O CORPO E A MENTE

Alimentação: Cultura ''Ayurvédica'' ajuda equilibrar corpo e mente

A Ayurveda tem como base cinco elementos: terra, fogo, água, ar e éter (ou espaço) e significa ciência ou conhecimento da vida.

É ter plenitude e felicidade! Permitir que você esteja em completa harmonia – física, emocional e mental. Estamos no outono/inverno, experimentando temperaturas altas e baixas simultaneamente.

Da mesma forma, o nosso organismo pouco a pouco também fica mais frio, seco e leve. Com uma boa alimentação, o organismo tem pleno funcionamento.

Quanto mais se priorizar uma alimentação natural, melhor! É importante se preocupar com a qualidade dos alimentos, precisamos comer melhor para fortalecer nossa saúde. É neste ponto que os ensinamentos da Ayurveda se tornam importantes para enfrentar as mudanças de estação com a saúde fortalecida.

Alimentação: Cultura ”Ayurvédica” ajuda equilibrar corpo e mente

A nutricionista Fabi Cortelini afirma que “Nesta época do ano é hora de priorizar uma alimentação mais quentinha, úmida e nutritiva. Não é à toa que a sopa é o alimento preferido da estação, aquece o organismo e é muito nutritivo.”

As medicinas tradicionais nos ensinam formas naturais de tratar os mais diversos problemas, nos incentivam a práticas diárias benéficas que fortalecem a nossa saúde.

E por isto devemos “priorizar a alimentação com preparações que ajudam lubrificar as articulações que podem sofrem com o clima mais frio, a aquecer e nutrir o corpo, fortalecendo nosso sistema imunológico para nos proteger de doenças que acometem o sistema respiratório”, acrescenta a nutricionista.

A nutricionista Fabi Cortelini ainda complementa que “não tem como ter um estado emocional saudável sem levar em consideração a nossa alimentação.

O ideal é cozinhar o seu próprio alimento, preferir os de cultivo orgânico e evitar os alimentos industrializados.

Nas estações mais frias do ano devemos dar preferência para caldos, cremes, molhos nutritivos, vegetais refogados e evitar consumo de alimentos crus e bebidas geladas.

Adicionar ervas e especiarias com qualidades doces e levemente picantes como: canela, gengibre, noz-moscada, cravo-da-índia, louro, mostarda, pimentas suaves, orégano e manjericão e frutas da estação.

A dieta ayurvédica além de trazer saúde, também estimula a perda de peso, pois favorece a ingestão de alimentos frescos e naturais, capazes de nutrir o corpo e promover muita saciedade.

A nutricionista sugere alguns alimentos para um cardápio Ayurveda nesta época do ano:

Café da manhã – mingau de aveia com pera – Lanche da manhã – castanha-do-pará – Almoço – arroz, lentilha, filé de frango, purê de abóbora e couve refogada – Lanche da tarde – panquecas proteicas de aveia – Jantar – sopa de lentilhas.

Consumir alimentos certos para o seu tipo de organismo é a base fundamental da cultura Ayurveda.

Enquanto seu corpo e mente estão equilibrados, a saúde igualmente também está.

É fundamental beber bastante água entre as refeições, comer com calma e mastigar bem os alimentos, ter uma boa qualidade de sono e a prática regular de atividade física. Não existem fórmulas milagrosas!

O resultado é alcançado quando se mantém uma disciplina e equilíbrio entre o corpo e a mente.

Mais sobre a nutricionista: Fabiana Cortelini é nascida em São Paulo. Formada em Nutrição pelo Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas – FMU e Especializada em Nutricoaching pelo Método Sophie Deram.

Faz atualmente pós-graduação em nutrição funcional pela faculdade de saúde avançada. Também formada em Gastronomia Funcional pela Escola Fran Tonelo. No segmento: Qualidade de vida, bem-estar, educação nutricional, reeducação alimentar é criadora do programa smartplate® – prato inteligente + livro “vida saudável com smartplate®” Nutricionista CRN3 – 50474 Rua Demóstenes, 350 – Campo Belo – São Paulo/SP Instagram: @fabicortelini.nutricionista

Saiba também Klin lança linha de calçados infantis Mood Mix com 3 modelos diferentes

Fonte Grupo Expressão/Assessoria de Imprensa – Fotos: Divulgação/Arquivo Pessoal – Instagram