Pandemia: A busca por tratamentos faciais

Pandemia: A busca por tratamentos faciais

Pandemia: A busca por tratamentos faciais. Não se sabe bem o motivo, mas foi durante a pandemia, com a mudança brusca de rotina, que a procura por dermatologistas e tratamentos estéticos faciais aumentou e é a AD Clinic que está tratando de conter a demanda com seu novo conceito de clínica de estética.

Brasil, fevereiro de 2021: É o mês do Médico dermatologista, o profissional que diagnostica e trata as doenças que acometem a pele, a mucosa, as unhas e os cabelos. Além de cuidar da saúde do órgão mais extenso do ser humano, a pele, o médico dermatologista também está habilitado a cuidar da parte estética do corpo.

A busca por tratamentos faciais em tempos de pandemia
Pandemia: A busca por tratamentos faciais

Confira também Volta às aulas: 5 looks para estudar, virtualmente ou presencialmente, com conforto e estilo

Durante a pandemia, a procura por dermatologistas aumentou, assim como os tratamentos estéticos. A estimativa da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) foi de um acréscimo de 50% na busca por soluções minimamente invasivas.

Pesquisas indicam que a mudança brusca ocorreu por conta das reuniões presenciais que viraram virtuais, de modo que a câmera passou a mostrar os detalhes que antes eram quase imperceptíveis pessoalmente.

As reclamações mais comuns são de aspecto cansado, olheiras, perda de volume dos lábios, rugas, linhas de expressão e perda do contorno facial.  

Segundo seu próprio levantamento, a AD Clinic percebeu que a procura por botox cresceu em, pelo menos, 70%. Sabendo disso, a clínica investiu fortemente nesse tratamento e a procura aumentou ainda mais do que o esperado.

A busca por tratamentos faciais em tempos de pandemia
Pandemia: A busca por tratamentos faciais

O CEO Rodrigo Nunes conta que todos os seus colaboradores e parceiros tiveram que se adaptar as necessidades dos clientes: “são nossos amigos e clientes os responsáveis por quem somos hoje; durante a pandemia tivemos o êxito de crescermos 523%, hoje já estamos com 60 clínicas e a meta pra este ano são 200 unidades”.

Veja também Brasil é o 3º no ranking mundial no mercado de estética

Pandemia: A busca por tratamentos faciais
Pandemia: A busca por tratamentos faciais

Sobre Rodrigo Nunes:

O empresário teve uma longa trajetória na área de marketing e no mercado financeiro, mas foi aos 24 anos de idade que resolveu investir no empreendedorismo. Arriscou na implantação da primeira clínica de estética e depois nas demais.

É um case de crescimento exponencial que já abriu 60 clínicas e pretende fechar 2021 com 200 unidades de estéticas espalhadas pelo país, somando um investimento de R$ 24 milhões de reais.

Pandemia: A busca por tratamentos faciais

Sobre AD Clinic:

Clínica de estética e beleza considerada uma história real e inspiradora de crescimento exponencial, possui 21 unidades espalhadas entre os estados de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio de Janeiro, e tem meta de terminar o ano de 2021 com 200 clínicas em vários estados.

Até o final deste ano serão investidos cerca de R$ 24 milhões de reais em espaço físico, tecnologia de ponta, produtos exclusivos e qualificação profissional. Hoje, o centro estético oferece diversos tratamentos corporais e faciais.

Entre os tratamentos estéticos mais procurados estão massagens relaxantes.

A mais famosa é a com pedras quentes que alivia as tensões, combate a hiperatividade e traz sensação de prazer pelo calor.

Os serviços que apresentam maior demanda em todas as lojas são: harmonização facial, botox, preenchimento, depilação a laser e tratamentos corporais como lipoaspiração sem cortes, massagens etc.  

Fonte Clacri Assessoria de Imprensa – Fotos: Divulgação / Arquivo

1 Comment

Comments are closed.