Calçados flats: O novo queridinho das brasileiras

Calçados flats: O novo queridinho das brasileiras

Calçados flats: O novo queridinho das brasileiras. Na tendência do conforto e, claro, do home office, descubra como usar calçados flats e ficar elegante.

Na tendência do conforto e, claro, do home office, o sapato de salto alto tem perdido espaço no guarda-roupa das mulheres ao redor do mundo. Uma pesquisa realizada no Reino Unido mostra que as vendas de salto alto caíram mais de 70%. Já no Brasil, o setor de calçados foi impactado de forma geral em cerca de 25%, segundo a Abicalçados. 

Veja também Moda outono/inverno 2021 pede conforto e cor

Calçados flats: O novo queridinho das brasileiras
Calçados flats: O novo queridinho das brasileiras

“Já vínhamos com uma tendência de queda de saltos. A mulher, com o passar do tempo, entendeu que usar sapatos mais baixos também traz estilo, conforto e elegância para as composições, não há necessidade de optar sempre pelo salto.”, menciona a executiva da La Femme, marca especilizada em calçados flats, Silvia Barboza. 

As rasteiras, sandálias, chinelos slide e tênis femininos, por exemplo, todos de salto baixo ou sem salto, vão bem com tudo e são ótimas opções para quem desejar criar looks confortáveis e elegantes. 

Confira já Cutter Jeans comemora 5 anos com exposição digital e nova coleção

Para entender a nova tendência, conversamos com quem é referência e sabe tudo sobre o  assunto: Silvia Barboza e Bruna Grein, diretora e estilista da La Femme, respectivamente. 

“Use o sapato baixo para equilibrar o look. Um vestido longo, com uma estampa alegre e que deixe o visual radiante, com um tênis seria uma boa escolha, porque está em alta combinar vestido com tênis, mas, neste caso, a composição ficaria mais esportiva. Ou você pode optar por uma rasteirinha nude com pedras e elaborar um visual elegante”, exemplifica a estilista da marca, Bruna Grein. 

A rasteirinha, por exemplo, deixa a composição chique, delicada e proporciona equilíbrio a um visual com uma estampa com muita informação. Lembre-se de tomar cuidado com o tamanho do vestido. Ele não pode ser muito longo e esconder o sapato.

Já viu Remédio e Veneno de Vagninho Matias e Eduardo Costa alcança mais de 500 mil views

“Adoro quando um sapato feminino é versátil e combina com diferentes composições. É ótimo quando você compra um item que, simplesmente, pode ser usado com boa parte das peças que você já possui no guarda-roupa”, destaca a executiva Silvia Barboza. 

A dica da Silvia faz todo sentido. Em meio à pandemia, às transformações do consumidor e os debates sobre consumo consciente, escolher uma peça versátil para ter no armário faz toda a diferença e, claro, só traz benefícios. Além de você economizar dinheiro, está promovendo uma moda sustentável, que defende que não é necessário ter muitas roupas, mas, sim, diferentes itens versáteis que rendem inúmeras produções.

Mas, você ainda deve estar se perguntando: combina usar mule, rasteirinha ou sandália de salto baixo com calça e cardigã? Claro! “Existem alguns modelos que eu sempre falo ‘da praia ao escritório’, são aquelas rasteirinhas com joia discreta, pedraria, textura croco, que é a paixão de muitas fashionistas, como Kylie Jenner, por exemplo”, destaca Grein. 

Durante muito tempo, esta textura apareceu principalmente em bolsas. Mas, nas últimas temporadas, esse elemento fashion decidiu dar uma nova cara também aos sapatos.

Essas são apenas algumas sugestões de como usar rasteirinha e ficar elegante. Porém, são infinitas as possibilidades de looks que este tipo de sapato flat oferece. Você pode combiná-lo com calça jeans, shorts, macacões, jardineiras, blazer, entre outras peças.

Lembre-se sempre de optar por roupas e acessórios que são também elegantes, para a produção ficar harmônica e ajudar a potencializar toda a sofisticação deste calçado.

Calçados flats: O novo queridinho das brasileiras

La Femme:
A La Femme é referência no segmento de calçados flats com pedrarias no Brasil. Com um parque fabril de 2.500 m², a marca produz para mais de 1.000 lojas multimarcas em todos os estados do Brasil e no mundo, como África do Sul, Bolívia, Colômbia, República Dominicana,  Equador, Emirado Árabes Unidos, Estados Unidos, Paquistão, Paraguai. Com produção diária de 1.500 pares, a La Femme já produziu e distribuiu mais de 3,5 milhões/pares no mercado nacional e internacional.

https://www.lafemmecalcados.com.br/

Fonte Agenciatemma Assessoria de Imprensa – Fotos: Divulgação / Arquivo Pessoal

1 Comment

Comments are closed.